Histórias de Pacientes

UM PAI APAIXONADO

Em meio a um mar de mães e filhos, um pai e sua filha se destacam no meio da multidão. Ele pega a bebê e a levanta no ar; ela retribui com sorrisos e uma gargalhada gostosa, que ecoa pelo ambiente. Ele lhe enche de beijos e ela ri ainda mais. É Izanildo, que leva nos braços a pequena Izabelly Cordeiro, de apenas 6 meses.


O PASSARINHO NO GALHO

Da frustração à alegria, do Cariri (CE) a Mossoró (RN). Após uma doença ter impedido Luís Gustavo de ser operado na primeira oportunidade, sua mãe não se deixou abater e viajou quase 12 horas para conseguir a tão sonhada cirurgia reparadora gratuita. Clique abaixo para ler a jornada completa desse pequeno paciente que conquistou os corações dos nossos voluntários!


O SONHO DE MOSTRAR O ROSTO

A cirurgia reparadora de fissura labiopalatina transforma vidas. Isso não é segredo para ninguém. Mas cada vez que somos confrontados com histórias como a do Fernando, atualmente com 11 anos, que em apenas um ano passou de um menino tímido, que escondia a fissura no rosto com uma chupeta, para um garoto extrovertido e cheio de sonhos, fica impossível não se emocionar.


ANNA CLARA, A PEQUENA RECORDISTA

Cinco dias. Cento e vinte horas. Esse foi o tempo que passou entre o nascimento de Anna Clara e sua primeira ida a uma missão da Operação Sorriso, em Mossoró (RN). Não é incomum trazerem crianças recém-nascidas para uma avaliação com a equipe da Operação Sorriso, mas Anna Clara definitivamente foi uma das recordistas!


DAVI E A CORRENTE DO BEM

Hoje vamos contar a história do Davi. E do Jomaelson. E da Ályda. Ah, e da Mylena também! Sim, 4 pacientes em um único relato, porque um não teria conseguido a cirurgia gratuita da fissura labiopalatina sem a contribuição do outro.


O MENINO E O SORRISO

Do alto de seu 1 ano e 8 meses, Pietro de Deus já é um veterano em programas humanitários da Operação Sorriso. Em duas missões, duas cirurgias. Primeiro, para fechar a fenda bilateral no lábio. Depois, para fechar o palato. Leia a incrível história desse menininho de sorriso fácil e cativante, que operou duas vezes conosco em 2018!


A MENINA MAIS AMADA DO MUNDO

A pequena Alicia, de 8 meses, é uma menina de sorte. Tem uma mãe dedicada, um pai amoroso, uma avó louca pela netinha e tios que cuidam dela com um carinho tocante. Parece a descrição de uma família comum. E é. O único detalhe que diferencia Alicia de qualquer outra criança é que ela nasceu com uma fenda labial.


O POETA SORRIDENTE

"Lutar pelos seus sonhos é ver a vida diferente / Ver que está tudo ao seu alcance. / Uma coisa forte que nasce dentro da gente / Algo que todos podem conseguir." Este é um trecho do poema escrito pelo paciente Guibson, após a realização da tão sonhada cirurgia reparadora da fenda labial. Continue lendo para ver a emocionante trajetória do jovem (e sorridente) poeta.


O SONHO DE PASSAR BATOM

Batom, sombra, rímel, blush... Se maquiar é algo banal para tantas brasileiras, mas um sonho distante para a jovem Weslane, de 7 anos, que deseja passar batom, porém nunca o fez, pois tem vergonha da sua aparência por conta da fenda que corta seu lábio.


A RESPOSTA É UM SORRISÃO

Duas e meia da tarde. O calor paraense não dá trégua. Com o sol brilhando forte, o termômetro batendo próximo dos 35 graus e nenhum sinal de brisa, um garotinho de semblante sério aguarda pacientemente sentado no colo da mãe. É Bernardo, de apenas 8 meses.


Page:

“Toda criança que nasce com deformidade facial é nossa responsabilidade. Se nós não cuidarmos dessa criança, não há nenhuma garantia de que outra pessoa o fará.”

- Kathy Magee, cofundadora e presidente da Operação Sorriso