Operação sorriso volta a porto velho para mutirão de cirurgias gratuitas

Seleção de pacientes com fissura labiopalatina acontecerá dia 02 de dezembro; Cirurgias estão marcadas para o período de 04 a 07 do mesmo mês

222.jpg

A Operação Sorriso, uma das maiores organizações médicas voluntárias do mundo, retorna à Rondônia pela 6ª vez para a realização de mais um programa de correção de lábio leporino e fenda palatina, a partir do dia 02 de dezembro. Na missão humanitária de Porto Velho devem ser realizadas cerca de 55 cirurgias entre os dias 04 e 07 do mesmo mês. 

Desde o primeiro programa no estado, foram atendidos mais de 580 pacientes, com 327 cirurgias realizadas e mais de 5.200 consultas médicas gratuitas oferecidas. 

Para participar da triagem, basta comparecer à seleção no dia 02, no Hospital Santa Marcelina, levando documentos de identificação do paciente e do responsável, além de exames de sangue recentes (realizados até 3 meses antes da missão), caso tenha. Paciente e mais um familiar que residam fora do município poderão solicitar hospedagem gratuita no dia da seleção. Quem foi operado em 2018 também deve retornar nesta data para realizar a consulta pós-operatória de 1 ano. 

Após a triagem, os pacientes selecionados passarão por cirurgia com os voluntários da Operação Sorriso também no Hospital Santa Marcelina, a partir do dia 04 de dezembro. Um time de 60 voluntários do Brasil e de outros países participará da missão.

“Proporcionar dignidade e melhor qualidade de vida para os pacientes é algo que não pode ser mensurado. Os colaboradores e voluntários do hospital entendem a importância do projeto e o quanto ele agrega para a instituição e para as famílias envolvidas. Estaremos sempre de porta abertas para contribuir na geração de novos sorrisos”, afirma Irmã Lina Maria Ambiel, Diretora do Hospital Santa Marcelina.

No sábado, dia 30 de novembro, haverá um curso de BLS (Basic Life Support ou Suporte Básico à Vida) para 14 enfermeiras da Operação Sorriso, uma certificação obrigatório para os voluntários de enfermagem da ONG, que precisa ser renovada a cada 2 anos. O curso é teórico e prático, e tem como objetivo ensinar as técnicas de reanimação cardiopulmonar em crianças e adultos.

Apoio regional

O Núcleo de Fissurados de Rondônia (NUFIS), que funciona durante a semana no Hospital de Base de Porto Velho, está atendendo os pacientes com fissura labiopalatina da região ao longo do ano e realizando as preparações pré-cirúrgicas e cirurgias mais simples, como as de lábio. “Graças ao trabalho do NUFIS, em Porto Velho estamos em um estágio diferente em relação às demais cidades onde realizamos missão. Em dezembro esperamos encontrar uma demanda maior por cirurgias complexas de palato e outros reparos que demandam equipes mais especializadas”, explica Charles Rosenburst, Diretor Executivo da Operação Sorriso. 

Mais uma vez, o Instituto Kaleo apoiará a ONG com a realização de uma ação de odontologia preventiva durante a missão. Os participantes do projeto farão a adequação do meio bucal dos pacientes para a cirurgia.

Parcerias são fundamentais para que as missões humanitárias sejam realizadas. A ESBR (Energia Sustentável do Brasil/Usina de Jirau) é uma das responsáveis por fazer esta missão acontecer, por meio de recursos do Subcrédito Social - linha “E” - do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

“É com grande satisfação que apoiamos mais uma missão da Operação Sorriso, entregando melhoria da qualidade de vida para esses pacientes e suas famílias, que recebem gratuitamente a cirurgia corretiva e têm ampliada a oportunidade de desenvolvimento e inclusão social. Somado a essa iniciativa, trabalhamos um grupo de voluntários na Empresa para doações e divulgação da missão em Porto Velho”, destaca Veríssimo Neto, Gerente de Meio Ambiente e Socioeconomia da ESBR. A parceria, firmada por meio do Subcrédito Social Linha E do BNDES, incluiu também a capacitação de profissionais da saúde e a doação de equipamentos cirúrgicos, o que viabiliza a realização de cirurgias e acompanhamentos médicos mesmo fora do período das missões.

Além da ESBR e do BNDES, a Operação Sorriso é patrocinada por empresas como: Azul Linhas Aéreas, Johnson&Johnson, Abbvie, Alfacomputer, Aumund, Bradesco Seguros, Cargill, Cesta Nobre, CitiEsperança, Coelho e Morello Advogados, Comerc, Comunicare Consultoria de Comunicação, Cristália, Day Pharma, Hasbro, Icatu Seguros, ImageWay, Infobip, LDS Church, Medtronic, Mindray, Pepsico, Rastru, Rei do Malote, Schivartche Advogados, Seteco, Silimed, Simplis, Temasek, UPS, Way Models, White Martins e Approach Comunicação.

Localmente, a Operação Sorriso conta com o apoio do Hospital Santa Marcelina, Ministério Público de Rondônia e da Secretaria de Estado da Saúde/Sesau. A Associação Brasileira de Cirurgia Crânio-Maxilo-Facial (ABCCMF), Marinha do Brasil, Projeto Genoma e Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) também são parceiros da organização. Veja a lista completa no site operacaosorriso.org.br.

SERVIÇO

Programa Humanitário de Porto Velho (RO)

Seleção dos pacientes

Dia: 02 de dezembro de 2019 Hospital Santa Marcelina

Rodovia BR 364, km 17 - Zona Rural - Porto Velho (RO)

Cirurgias

Dias: 04 a 07 de dezembro de 2019

Hospital Santa Marcelina

Rodovia BR 364, km 17 - Zona Rural - Porto Velho (RO)

Informações: (69) 98112-7846, (69) 3218-2200 ou (69) 3218-2211.

Sobre a Operação Sorriso

A Operação Sorriso é uma das maiores organizações médicas voluntárias do mundo. Reúne profissionais de 60 países para ajudar pessoas nascidas com deformidades faciais, especialmente lábio leporino e fenda palatina. Em 35 anos de trabalho, já transformou a vida de mais de 288 mil crianças pelo mundo. 

No Brasil, as ações tiveram início em 1997 e já foram realizados mais de 100 mil exames e avaliações especializadas e 5,5 mil cirurgias em doze estados brasileiros, tudo de forma gratuita à população.

Para ajudar

Quem quiser contribuir, pode fazer doações financeiras pelo site

Ou realizar depósitos direto em conta:

Associação Operação Sorriso do Brasil

CNPJ: 08.691.563/001-85

Banco Itaú – 341

Ag: 8729 / C/C: 23082-4

Pedimos a gentileza de comunicar a realização do depósito para contato@operationsmile.org

Os relatórios financeiros estão disponíveis no site       

 



“Toda criança que nasce com deformidade facial é nossa responsabilidade. Se nós não cuidarmos dessa criança, não há nenhuma garantia de que outra pessoa o fará.”

- Kathy Magee, cofundadora e presidente da Operação Sorriso